Traduzir / Translate this blog

Por dentro do pensamento - II



Pintura de Duy Huynh - A Chorus From The Brain Forest

II



Será que as paredes me escutam?
Será que eu próprio consigo escutar o que há do lado de dentro do pensamento?
Que endofasia constante é esta que me alucina?


É tão simples...
Há tanta coisa que me falta encontrar em ti
Tantas perguntas
Tantas respostas sem perguntas
Que o tempo de indagar está no fim...


Ainda estou aqui?
E os sinais, onde estão?


Sou poesia...
Sou poeira...
Mas porque continuo a pensar em ti?






Pedro Barão de Campos.

1 comentário:

Ana disse...

Gosto porque parece simples.
Embora não seja, parece.